Venda de Cão de Guarda Em Rodeio SC - WalkerDog

Pastor Alemão, Pastor Belga Malinois e Rottweiler

Venda de Cães de Guarda Em Rodeio Santa Catarina- WalkerDog


Venda de Filhotes de Cães centro canino walkerdog Está querendo comprar um cão de guarda e mora em Rodeio SC? Conheça os cães de guarda adestrados do Centro Canino Walker Dog.

O Centro Canino WalkerDog cria para venda Pastor Alemão, Pastor Belga Malinois, Rottweiler, Doberman e Buldog Campeiro.

Nossos cães são selecionados para trabalho de faro e proteção, excelentes amigos da família, confiáveis com as crianças, mas protetores contra invasores, possuem adestramento, campo e pista de esporte para se exercitar e controlar energia, são criados junto de nossas crianças com total confiança, vacinas importadas e ração premium. Filhotes só são vendidos com atestado de saúde por veterinário. Com a crescente violência, o despreparo da segurança pública e privada, estamos cada vez mais desprotegidos.

Cães são auxilios indispensáveis na segurança, não temendo arma de fogo, não aceitando suborno e treinado são poderosos guardiões contra invasores. Veja como um cão pode proteger sua família

Venda de Cão de Guarda ou Proteção da Raça Pastor Alemão em Rodeio SC

Está querendo comprar um cão de guarda da raça Pastor Alemão e mora em Rodeio SC? Conheça os filhoes de raça do Centro Canino Walker Dog.

O Centro Canino WalkerDog vende cães de proteção da raça Pastor Alemão. Caso tenha interesse em comprar um filhote de Pastor Alemão entre em contato conosco.

O Pastor Alemão Capa Preta é um dos cães mais inteligentes e é muito dedicado à sua missão. É uma raça muito versátil, devotado, leal e fiel aos donos. Convive muito bem com outros animais domésticos.

Eles são cães calmos e ficam ainda mais quando adultos. Não é um cachorro medroso, adora receber carinho e elogios da família. É um cão vigilante e alerta e pode ser um pouco reservado com estranhos. Caso não deseja tê-lo pra guarda, acostume-o desde cedo à presença de visitas e pessoas que ele não conheça.

O pasto alemão é um cão muito atento e tem um olfato invejável, por isso é muito usado pela polícia, sendo até chamado de “cão policial”. Na polícia ele é usado para ataque, rastrear drogas, buscar corpos em escombros e localizar pessoas desaparecidas.

O Pastor Alemão tem mais o perfil de defesa do que de ataque. Não deve ser criado pra atacar, pois pode se tornar muito violento. É uma raça que se dá bem com crianças e idosos, são pacientes e tranquilos.

Adestramento de Pastor Alemão: Pastor-alemão ou cão-lobo-da-alsácia é uma raça canina proveniente da Alemanha. Em sua origem era utilizado como cão de pastoreio de rebanhos. Atualmente é mais utilizado como cão de guarda e companhia.

Venda de Cão de Guarda ou Proteção da Raça Pastor Belga Malinois em Rodeio SC

Está querendo comprar um de cão de guarda de raça Pastor Belga Malinois e mora em Rodeio SC? Conheça os filhoes de raça do Centro Canino Walker Dog.

Sempre alerta e em movimento, o Pastor Belga é bastante brincalhão, vigilante e protetor além de ser um cachorro muito forte. Ele pode ser indiferente com estranhos e alguns podem ser bravos e até avançar. Esta raça é inteligente e dócil mas independente. Ele é o protetor de sua casa e família. O pastor belga milanois é a raça mais utilizada pela polícia norte americana.

O Pastor Belga precisa de exercitar bastante, o que pode ser uma corrida longa ou um uma seção longa e cansativa de brincadeiras como correr atrás de uma bolinha. Ele precisa de espaço para se movimentar durante o dia e faz melhor e por isso será ótimo se tive um quintal grande. É necessário levar para escovar e pentear seus pelos duas vezes por semana. Sua pelagem dupla precisa escovar e pentear duas vezes por semana.

Adestramento de Pastor Belga Malinois: Pastor-belga Malinois é uma das quatro variedades da raça Pastor-Belga, originária da Bélgica. De pelagem curta, de cor fulvo-encarvoada, é nativo da região de Malinas e tido como um dos mais comuns entre os pastores belgas

Venda de Cão de Guarda ou Proteção da Raça Rottweiler em Rodeio SC

Está querendo comprar um cão de guarda da raça Rottweiler e mora em Rodeio SC? Conheça os filhoes de raça do Centro Canino Walker Dog.

O Centro Canino WalkerDog vende cães de proteção da raça Rottweiler. Caso tenha interesse em comprar um filhote de Rottweiler entre em contato conosco.

O Rottweiler é um cão amável e divertido, mas ao mesmo tempo ele é muito poderoso. Um adestramento de obediência de rottweiller adequado desde filhote e a socialização são extremamente necessários. Essa raça pode ser muito territorial e protetora de sua família e casa. Rottweilers podem ser bem intimidadores e ainda carregam a fama de serem bravos, mas eles são ótimos para famílias e podem ser muito dóceis também.

O Rottweiler tem um pêlo curto e brilhante, de fácil manutenção. Escovar regulamente para tirar o excesso de pelos mortos é suficiente para mantê-lo bonito. Dar banho com muita frequencia vai tirar a oleosidade natural de sua pele, causando sérios problemas dermatológicos.

Rottweilers adoram aprender e serão excelentes se tiverem oportunidade. Treino de obediência é essencial, já que essa raça pode se tornar bem destrutiva se não for estimulada. É preciso uma pessoa forte, firme e dominante quando for treinar esse cão poderoso. O Rottweiler é extremamente inteligente para adestramento e se sai muito bem em diferentes esportes, mas também pode ser teimoso. Ocupam o 9º lugar no ranking de inteligência canina.

Adestramento de Rottweiler: Rottweiler é uma raça canina desenvolvida na Alemanha. Cão criado por açougueiros da região de Rottweil para o trabalho com o gado, logo tornou-se um eficiente animal de guarda e pastoreio, além de ser útil na tração.

Dados para contato e localização

centro canino walker dog - contato

Adestramento de Cães em Rodeio Santa Catarina
Cidade: Rodeio
Estado - País: Santa Catarina - BRA
Telefone: 55 (51) 9 97613537 (vivo) e (51) 9 91519690 (claro)
Email : alexsandro0113@hotmail.com
Url:

Vídeos de Venda de Cão de Guarda ou Proteção do Centro Canino WalkerDog

Cão de guarda evita roubo carro - simulação

Vídeo 04 WalkerDOG Cão salvando o dono de perigo

Sequestro com refém termina mau. Cães e homens juntos!

centro canino walker dog - Venda de Filhotes de Cães de Raça centro canino walker dog - Venda de Filhotes de Cães de Pastor Alemão 01 centro canino walker dog - Venda de Filhotes de Cães de Pastor Alemão 02 centro canino walker dog - Venda de Filhotes de Cães de Pastor Alemão 03 centro canino walker dog - Venda de Filhotes de Cães de Rotweiller 01 centro canino walker dog - Venda de Filhotes de Cães de Rotweiller 02 centro canino walker dog - Venda de Filhotes de Cães de Rotweiller 03 centro canino walker dog - Venda de Filhotes de Cães de Rotweiller 04 centro canino walker dog - Venda de Filhotes de Cães de Pastor Belga Malinois 01 centro canino walker dog - Venda de Filhotes de Cães dePastor Belga Malinois 02 centro canino walker dog - Venda de Filhotes de Cães de Pastor Belga Malinois 03 centro canino walker dog - Venda de Filhotes de Cães de Pastor Belga Malinois Com 03 Meses a centro canino walker dog - Venda de Filhotes de Cães de Pastor Belga Malinois Com 03 Meses b

O Centro Canino WalkerDog Vende de Filhotes de Cães de Raça para moradores de diversos municípios

Dados de Rodeio - SC
Area em km2= 128
Populacao = 10922
PIB Per Capta = R$ 0

HISTORIA
Colonização[editar | editar código-fonte] O território que hoje consiste em Rodeio foi fundado em meados de 1875, com a chega dos imigrantes austríacos (tiroleses/trentinos) e italianos (vênetos e lombardos). Estes imigrantes vieram a pedido de Dr. Blumenau, já que os imigrantes alemães não estavam se adaptando com a região. A maioria dos imigrantes que se estabeleceu em Rodeio veio da área de língua italiana do Tirol[7] (distrito de Trento), região montanhosa que passou para a Itália após a Primeira Guerra Mundial e foi rebatizada em 1923 com o nome Trentino Alto-Ádige/Südtirol. Com o Tratado de Paris Saint-Germain a região tirolesa passou a pertencer ao reino italiano. Hoje, essa região autônoma é dividida em duas províncias autônomas: Trento e Bolzano. Vale lembrar que também houve importantes núcleos de famílias vindas do Vêneto e da Lombardia, sendo estas regiões pertencentes ao então Reino da Itália. De 1363 a 1918, toda a região do Tirol pertenceu ao Império Austríaco e seus habitantes mantinham estreitas relações com os costumes germânicos, afinal de contas sua nacionalidade era austríaca. Na época, os imigrantes austríacos de fala italiana (tiroleses[8]) povoaram boa parte do Vale do Itajaí. Em Rodeio chegou a funcionar a Liga Austro-Brasileira[9] (originalmente Lega Austriaco-Brasiliana di Rodeio nel Municipio di Blumenau), fundada por imigrantes tiroleses em 1909. Os imigrantes partiram então de Indaial, enquanto as esposas ficaram em Blumenau, começaram então a traçar uma picada feita de machado e facão, seguindo o rumo do Rio Itajaí-Açu, fazendo um longo trajeto, contornando Timbó, até chegarem exatamente até o ponto de partida. Fazendo então a chamada "Picada Rodeio", já que foi feito um "rodeio" pelo território. Sobre os indígenas[10], existe poucos relatos, mas os que habitaram a região foram os tapuias, descendentes da tribo dos aimorés. Os relatos mais comuns acerca do assunto é de que essas populações eram perigosas e não gostavam de trabalhar, cometendo vários assaltos e alguns assassinatos. Para tanto foram chamados os ditos "bugreiros" para exterminar com esses povos. Hoje em dia há muitas discussões sobre se realmente eram os "índios" que atacavam sem motivos, ou se não era o oposto, ou até mesmo, se não era um conflito mútuo. Emancipação[editar | editar código-fonte] Em relação à política municipal, Rodeio por muito tempo fez parte de Blumenau, até no começo do século XX quando foi repassado para Indaial e depois para Timbó. Foi então que Timbó ficou divida em dois grandes distritos (Timbó e Rodeio). Após uma eleição fracassada da chapa do Sr. Sílvio Scoz na década de 1930 (na época se votava por chapas, ou seja, se votava pelo partido e se escolhia os vereadores apenas do prefeito e vice-prefeito vencedores). Esse mesmo grupo resolveu separar o distrito de Rodeio, feito que depois de algum tempo se realizou no dia 14 de março de 1937, com a emancipação política de Rodeio. Sílvio Scoz foi o primeiro prefeito e que governou durante 10 anos seguidos pelo antigo PSD. Vale lembrar que Rodeio foi criado com 2 distritos o de Rodeio e o de Benedito Novo (que abrangia também Doutor Pedrinho). Que se emanciparam mais tarde em 1961 e em 1989, respectivamente. Um dos principais fatores para essa divisão foi os conflitos gerados pela falta de identidade com o município por parte dos descendentes de alemães (Benedito), em relação aos italianos (Rodeio). O atual prefeito da cidade é Paulo Roberto Weiss do PT.
ECONOMIA
Algumas informacões sobre a economia e população da cidade. A cidade de Rodeio localizada no estado de Santa Catarina tem uma área de 128.1 de quilometros quadrados. A população total de Rodeio é de 10922 pessoas, sendo 5487 homens e 5435 mulheres. A população na área urbana de Rodeio SC é de 9424pessoas, já a população da árae rual é de 1498 pessoas. A Densidade demográfica de Rodeio SC é de 85.24. A densidade demegráfica é a medida expressada pela relação entre a população e a superfície do território, geralmente aplicada a seres humanos, mas também em outros seres vivos (comumente, animais). É geralmente expressada em habitantes por quilômetro quadrado. Veja mais no link a seguir Densidade Demográfica Wikipedia. Outra informação que temos sobre a população de Rodeio SC é que 17.82% tem entre 0 e 14 anos de idade; 72.07% tem entre 15 e 64 anos de idade; e 10.11% tem acima de 64 anos de idade. Conforme os dados, a maior população da cidade de Rodeio localizada no estado de Santa Catarina são as pessoas de 15 a 64 anos de idade, ou seja, existem mais adultos no município. Em termos de ecnomia isso é bom pois tem mais pessoas trabalhando e gerando riqueza para o país. A economia rodeense é baseada nas empresas têxteis (fiações e malharias em geral) e madeireiras. Algumas das empresas do ramo são a Cia Hering, Killy, JN (grupo Brandili), Luli Malhas e Priscila. Também contribuí para a economia da cidade a economia agropecuária, principalmente na produção de arroz e banana, dentre outros plantios e criações de animais. Existe também uma boa vinícola, talvez a melhor do Vale do Itajaí, a Vinícola San Michelle, com seus vinhos Torre di Luna, da onde veio especialização e tecnologia da Itália para sua fabricação. A partir de 1975, com o centenário da imigração[11] italiana em Rodeio houve uma colaboração socioeconômica entre o município e a província autônoma de Trento, conseguindo verba para abrir a vinícola San Michelle, esta que hoje patrocina a Festitália em Blumenau. Além de outros lacticínios e até mesmo colaboração com o Museu de Usos e Costumes Trentinos. Há também a produção de ovos de codorna no bairro Diamante. Dentre as criações de animais não se pode ignorar o fato de por muito tempo ter havido criação de avestruzes na cidade, hoje os animais mais exóticos que existem são os búfalos no bairro Rodeio 50 e as mulas, no bairro Diamante.
TURISMO
Picol Paradis Localizado no bairro Ipiranga, é uma estrada de chão que está rodeada por hortênsias, numa extensão de 8km, o chamado "Caminho das Hortênsias". A localidade também é cercada por cerca de 64 estátuas de anjos com dois metros de altura cada (o número ainda deve aumentar), e também por uma bela estátua de um Cristo Redentor com nove metros de altura. O monumento foi inaugurado no dia 14 de dezembro de 1997. Tornando assim, um "Picol Paradis", do dialeto trentino "Pequeno Paraíso", uma visão celestial em um dos bairros mais retirados do município, rodeado pelos morros e por frondosas árvores. Esta localidade foi construída pelo Sr. Paulo Notari, que o fez como pagamento de uma promessa, após viajar pelo mundo inteiro. Diz ele que começou com a promessa de plantar oito hortênsias, e hoje são oito quilômetros. O mesmo ocorre com a estátua e os anjos. A primeira era para possuir apenas trinta centímetros, mas acabou ostentando seus nove metros, enquanto que os anjos começou com apenas três, depois passou para 33 (idade de Cristo), hoje em dia existem 64 anjos fabricados em sua maioria pelo próprio Sr. Paulo, e ainda haverá outros a serem construídos. Há também um projeto para a construção de um portal, feito de pedra com o Espírito Santo no centro, algo previsto para ser feito futuramente. Eremitério Todo em pedra no estilo medieval, retiro usado por frades franciscanos que se isolam para adorar Deus. De sua localização, nas montanhas do bairro Ipiranga, enxergam-se Rodeio e arredores. O monumento fica a 750 metros acima do nível do mar. Ocasionalmente são feitas celebrações pelos padres franciscanos. É um ótimo lugar para meditação e para visualizar belas paisagens. Salto Uma das principais atrações do município e localizado no bairro Vale Nova (ou São Pedro Novo), consiste numa bela cachoeira com piscinas e tobogãs para diversão e lazer. Também conhecido como Parque "Pietro Votta", foi a maior atração para lazer do município entre as décadas de 1980 a 2000, porém nos últimos anos perdeu sua hegemonia. Ainda é um dos principais símbolos de beleza do município, compreendendo além da cachoeira natural, piscinas, quiosques e mata virgem. Oratório Frei Bruno Localizado no bairro Diamante, trata-se de uma homenagem ao maior ícone religioso do município, o alemão Frei Bruno Linden, na qual foi vigário da cidade e por lá viveu durante 20 anos de sua vida. A influência de Frei Bruno era tamanha que era constantemente chamado nas cidades vizinhas, inclusive em Blumenau. Há relatos de que Frei Bruno possuía o dom da bilocação, isto é, estava em dois lugares ao mesmo tempo. Hoje há uma comitiva organizadora, por todo estado, que abriu o processo de beatificação de Frei Bruno no Vaticano. Tirolesa K2 mil Simplesmente a maior tirolesa da América Latina, localizada no bairro Ipiranga e na divisa com a Liberdade (Benedito Novo), os cabos possuem dois mil metros de extensão, superando a então maior tirolesa latino-americana, localizada na Argentina. Museu de Usos e Costumes Trentinos de Rodeio O museu trentino apresenta peças da imigração tirolesa e italiana. Administrado pelo Círculo Trentino, lá encontram-se diversos objetos usados pelos colonos no período da imigração, e também durante a Primeira República. Existe também uma vasta coleção de taxidermia, deixado pela Irmã Eva, aos cuidados do museu.

Venda De Cao De Guarda Em Riqueza Sc

Conheça o Adestramento de Cães em Rodeio SC